domingo, 18 de junho de 2017

BB RENDA CORPORATIVA – BBRC11

Este fundo tem características muito semelhantes ao seu irmão BBPO11, ou seja, tem a finalidade de comprar/construir imóveis para posterior locação ao Banco do Brasil em contrato átipo pelo prazo de 10 anos.

O diferencial deste fundo para seu irmão gêmeo, é que neste foram priorizadas agências Estilo do BB, ou seja, com melhor localização e padrão construtivo elevado já que se destina a um público com maior poder aquisitivo.


O fundo possui 20 imóveis sendo 18 já prontos e locados:




Possui também a Agência Parque Botorussu pronta, porém no aguardo da assinatura do contrato de locação.

Agência Eng. Heitor Antonio Eiras Garcia: Esta em fase de alinhamento de projeto junto ao locatário para início das obras.



Características do Contrato Atípico


* Locatário: Banco do Brasil

* Prazo: 10 anos

* Indexador: IPCA

* Rescisão Antecipada: Em casos de rescisão, por decisão do locatário, antes da conclusão dos dez anos iniciais, o Banco do Brasil se compromete a pagar ao fundo, a título de perdas e danos prefixados, o fluxo do aluguel remanescente.

* Benfeitorias e conservação: O fundo fica obrigado a manter os imóveis em boas condições:



Características da IPO


Data Inicial: 10/06/2011

Benchmark: IPCA+ 9,1%

Administrador: Votorantim

Cotas Emitidas: 1.590.000

Valor da Emissão: 159M


Informações Financeiras – base maio/2017



Valor dos Imóveis: 150M

Disponibilidades: 4,5M

Outros Créditos: 287K

Aluguel atual: 1,5M/mês

Dividendo: R$ 0,84

Valor Cota: R$ 127,00

DY: 0,67%

Valor patrimonial: R$ 96,43

Evolução dos Rendimentos


2012 – R$ 3,33
2013 – R$ 2,31 (-30,50%)
2014 – R$ 2,70 (+16,52%)
2015 – R$ 5,27 (+95,42%)
2016 – R$ 10,37 (+96,74)

* O fundo teve apenas uma emissão de cotas.


COMENTÁRIO: Ótimo fundo, com as mesmas qualidades do BBPO (locatário, contrato atípico, 10 anos de contrato, correção pela inflação anualmente) e com o diferencial de agências com melhor padrão construtivo, o que no longo prazo agrega ainda mais valor.

Ainda temos duas agências que farão parte da carteira do fundo (uma já construída e outra em fase pré-obras) o que fará com que o rendimento tenha um acréscimo de cerca de R$0,04 assim que terminadas as obras.

O segmento de agências bancárias e o fundo BBRC devem representar, até dezembro de 2017, 15% e 5,5% da carteira de FIIs respectivamente.

Agência Pedro Pinho (Osasco)


quarta-feira, 7 de junho de 2017

RENDIMENTOS/DESPESAS JUNHO/2017

Buenas pessoal, dia de acerto de contas, de registrar as despesas e o que vai entrar de renda passiva neste mês de junho.

Image and video hosting by TinyPic

DESPESAS: até que enfim cederam e fecharam perto do planejado. Começo do ano é sempre complicado com varias despesas “extras” e conseguir pagar tudo e ainda sobrar pra economizar é um triunfo!

RECEITAS: apesar do aporte forte em maio as receitas tiveram um pequeno aumento. Isso se deve a queda da selic e de índices de inflação que empurram ladeira abaixo os rendimentos dos fundos de papel (destaque negativo para CPTS11 que pagou 30% a menos de rendimentos na comparação com o mês anterior), os quais representam boa parte do patrimônio atualmente. Além disso, as vacâncias continuam aumentando, minguando ainda mais o pingado mensal! Só me pergunto quando é que o preço das cotas vai começar a sentir essa queda??!!!


Segue o gráfico da primeira etapa da IF:


Dados:

Rendimentos recebidos: R$333,24

Rent. S/ capital investido: 0,74%

Rent. S/ capital em 31/05/2017: 0,67%

Variação em relação ao mês anterior: +2,53%

Total de DY recebidos no ano: R$ 1.754,08

Meta de DY para 2017: 5.000,00

1º etapa da IF concluída: 20%

Valorização acum. da carteira de FII (sistema de cotas AdP): 17,88%

Variação do mês: 0,44%


Comentário: Despesas quase no patamar planejado/esperado para o ano, isso por si só já é ótimo!
Quando vejo que os rendimentos estão cobrindo 20% das despesas fica melhor ainda, e a certeza de estar no caminho certo só aumenta.

Este mês também superei em 18,32% o total de rendimentos recebidos em todo o ano de 2016, isso com seis meses de rendimentos. Acho que a meta de 5k em rendimentos este ano não vai ser possível alcançar, até então recebi 35% deste valor, mas continuarei correndo atrás desta meta também.



quinta-feira, 1 de junho de 2017

FECHAMENTO MAIO/2017 R$ 51.289,90 + R$ 4.673,43 (+10,03%)

Fala pessoal, depois de um mês de muito alvoroço, politicamente e financeiramente falando, chegou o dia do acerto de contas.

O Circuit Breaker fez com que meu patrimônio desse uma derretida, mas dias depois, a rentabilidade já estava no azul de novo. Isso é pra reforçar a tese de que em momentos assim não devemos fazer nada, se possível, nem abril o HB.

Este mês também foi de muito trabalho, prazos curtos, pouco tempo pra descanso e lazer. Daqui pra frente provavelmente será mais tranqüilo. Peço desculpas na demora em aprovar e responder os comentários do blog.

Como previsto, este mês alcancei com folga a marca dos 50k. Sei que é apenas um degrau na longa caminhada, mas já dá uma sensação de dever cumprido. 

       

Tem algumas novidades na carteira. O aporte deste mês foi parte para cotas do fundo BBRC11 (estreando na carteira) e uma pequena parte para experiência em ações. Com as quedas dos preços que sucederam a crise política, algumas ações atingiram graficamente falando, níveis de suportes importantes.           

Sempre que posso eu acompanho a cotação de algumas empresas mais sólidas, e quero mais a frente, usar a volatilidade desse mercado para ajudar na rentabilidade da carteira.

O capital que possuo emprestado a juros de dois a cinco por cento ao mês, se trouxer pra renda variável, além de uma possível rentabilidade melhor, o risco de “levar fumo” é menor e seria uma forma de aprender mais sobre o mercado. O foco em empresas que pagam bons dividendos é uma boa alternativa, e seguiria em linha com o propósito do blog que é de renda passiva, com a possibilidade de retornos melhores e com isenção de IR, já que temos um limite operacional que proporciona esta isenção.

Vou deixar um relato no blog depois de encerrado cada trade (por enquanto apenas um), descrevendo o racional da entrada na visão técnica e fundamentalista.

Sempre admirei este mercado, esta forma de investir e rentabilizar o capital. Sei dos riscos elevados, mas não deixa de ser uma experiência e aprendizado, com um pequeno capital que de certa forma já corre um grande risco em empréstimos para pessoas sem crédito.


Sem mais delongas vamos aos números:



Acompanhamento pela planilha do AdP:

                            


ATENÇÃO: ESSE BLOG NÃO TEM CERTIFICAÇÃO PARA ANÁLISE DE VALORES MOBILIÁRIOS, NÃO OFERECE CONSULTORIA DE INVESTIMENTO E NEM ANÁLISE. TRATA-SE APENAS DE UM DIÁRIO DE UM INVESTIDOR AMADOR.

quinta-feira, 18 de maio de 2017

CIRCUIT BREAKER, EU SOBREVIVI!

Saldo do dia -2,25% ou –R$1.291,82!

Dia atípico para todo mercado, seja dólar, índice, juros, ações e FIIs! Há quem tenha ganhado muito (JBS e outros rsrs) e há quem tenha perdido muito.

Juros, dólar e ações com forte influência do cambio como FIBR3 E SUZB5 tiveram alta.

Índice, ações e FIIs com quedas descomunais como Cemig chegando a despencar até 43% na abertura (e logo em seguida no circuit breaker ) do pregão.

Tentei fazer compras em BBRC11 a R$116,00, HGLG11 a R$1.200,00 e CTXT11 a R$3,77. Não deu tempo! Site travado! Depois que voltou, resolvi por ficar de fora, apenas acompanhando o sobe e desce dos preço e os alardes do noticiário.

Uma coisa me pergunto: por que vender ótimos ativos como os citados e muitos outros incluindo ações de ótimas companhias no desespero? Durante o dia todo minha única vontade era de comprar, não vi motivo algum de venda.

Agora é aguardar os próximos capítulos, muita coisa pode vir a mudar já que as reformas ficarão travadas até a poeira baixar e podem nem sair. Juros podem voltar a subir, apetite ao risco da RV diminuir e consequentemente mais quedas nos próximos dias.

Ainda não fiz meu aporte deste mês, vou esperar mais um pouco e também devo mandar a grana que disponho para emergências para a corretora a espera de boas oportunidades.

Não é hora de desespero e sim de aproveitar esta janela de oportunidades que esta se abrindo!


Uma boa sexta feira a todos.